O que é o Agente Consciente?

No primeiro momento você deve estar se perguntando, “O que é o Agente Consciente?”

Pois bem, o Agente Consciente é um movimento social de conscientização política, propagação do amor ao próximo e dos direitos constitucionais.

Tá certo, mas, infelizmente continuo sem entender o que é, como isso funciona e como isso vai mudar minha vida. 

Ok, amigo. Sente-se com a postura correta sobre a cadeira, tome um refresco gelado, relaxe e curta a leitura.

Beleza, já peguei o copo d’gua. Agora me explica, O que exatamente é o Agente Consciente?

Como disse antes, o Agente Consciente é um movimento social que visa transformar o atual cenário político.

Nossa, mas isso não é difícil?

No primeiro momento pode parecer algo impossível, mas não é. Sabe porque?

Tá, eu até posso ter alguma ideia, mas prefiro te ouvir dizer.

Perfeito. O Movimento social visa transformar o atual cenário político transformando o cidadão marginalizado em participante ativo do sistema. Promovendo a conscientização política e dando voz a população, consequentemente conseguiremos atingir um de nossos principais objetivos.

Que é?

A democracia participativa em âmbito Municipal.

Ali em cima você disse marginalizado, não é? A quem isso se refere?

Quando falo em cidadão marginalizado, me refiro ao cidadão que não possui conhecimento sobre os próprios direitos constitucionais. Ao cidadão que não sabe como interagir com o poder público, que não sabe a quem recorrer quando ocorre um problema, ou que não saiba debater quando um projeto de políticas públicas é realizado. É um cidadão que por falha do sistema se tornou mal informado sobre o seu verdadeiro papel como cidadão e não sabe como agir para mudar a situação conflitante que nos encontramos.

Ah tá, entendi. Então o Agente Consciente visa conscientizar as pessoas sobre seus direitos? Como vocês pretendem fazer isto?

Primeiramente com a propagação do amor. Vivemos uma época que se faz necessário propagar o amor. Se unirmos o amor ao próximo e direitos constitucionais, dispertaremos a consciência política e humanitária e assim, a democracia participativa surgirá sem muito esforço pois a chama de uma cidade mais justa e igualitária estará acesa dentro de cada coração.

Tá, você falou bonito mas eu continuo sem entender como vocês pretendem fazer isto...

Nós utilizaremos a Internet como espaço público, para debater junto à população, formas de melhorar a qualidade de vida.

Agora estou entendendo. Mas como você vai utilizar a internet para fazer isso?

A sociedade em si é um aglomerado de interesses e inteligências diferenciadas. Pensando nisso o Agente Consciente abordará a sociedade com 14 temas para propor debate e conscientização. Os temas são:

  1. ‎Agente da Acessibilidade.
  2. Agente dos Animais.
  3. Agente Constitucional.
  4. Agente da Cultura (Música, Teatro, Dança, Lazer e Entretenimento)
  5. Agente das Drogas
  6. Agente da Economia.
  7. Agente da Educação.
  8. Agente da Espiritualidade.
  9. Agente do Esporte.
  10. Agente da Igualdade
  11. Agente do Meio Ambiente.
  12. Agente Político e de Políticas Públicas.
  13. Agente da Saúde.
  14. Agente do Urbanismo (Habitação, Trânsito e Transportes).

Nossa, que legal. Mas o que fará cada Agente?

Cada tema terá um ou mais Agentes Coordenadores. Aos agentes coordenadores estará incumbida a responsabilidade de publicar textos, artigos, pensamentos referentes ao seu tema. Os textos não terão um padrão fixo e caberá ao agente coordenador de cada tema se organizar para publicar seu texto.

 Por exemplo, o agente do urbanismo quis discutir sobre projeto Nova Luz idealizado pela Secretária de Urbanismo de SP. Em seu texto ele discutirá junto a sociedade os pontos fortes e fracos deste projeto, mostrando de forma fácil e atrativa, quais as reais melhorias e quais os defeitos que este projeto têm.

A internet permite que exista um debate entre interessados e técnicos. Suponhamos que este projeto tenha tido uma repercussão negativa e a maioria da população não esteja de acordo com a proposta. Nós, como cidadãos, temos o direito de discutir junto as autoridades governamentais sobre as falhas dos projetos. Nesta hora, junto aos coordenadores de Politicas Públicas e Constitucional o Movimento Social Agente Consciente ensinará como fazer para recorrer e debater com as autoridades as falhas do projeto, até que ele tenha a cara que (nós sociedade) desejamos.

Nossa. Que legal !!! Eu também posso participar?

 Claro !!! O agente consciente é destinado a todas as pessoas da sociedade que de uma forma ou de outra querem ajudar o próximo e tornar a sociedade mais justa e igualitária. Todas as pessoas que quiserem publicar algo no Agente Consciente terão espaço aberto, tendo, somente que entrar em contato com o coordenador responsável pela área para realizar seu post com data agendada.

Ah, quase que esqueci de dizer. O Agente Consciente também realizará ações sociais/culturais.

Sério??? Como assim?

Sim, sério. O agente consciente não é somente uma ferramenta de debate. Nós realizaremos ações físicas e reais. Por exemplo:

O Agente dos Animais quer palestrar nas escolas estaduais sobre maus tratos aos animais. O Agente Consciente tem uma equipe com profissionais das mais diversas áreas. Advogado, Relações Públicas, Publicitário, Designer. Portanto para que esta ação torne-se viável, a equipe agente consciente será acionada para formalizar o plano e realizar a ação. Neste caso o que teria que ser feito:

1. O Tema que será apresentado, organizado pelo Agente dos Animais.

2. Apresentação do Agente dos Animais a todos os Participantes do Projeto para ver se estão de acordo. Caso aprovado, passo 3.

3. Planejamento da Ação. Consiste em analisar se o projeto não tem alguma falha jurídica. Pensar na estratégia, montar o Power point, desenvolver o material gráfico caso haja necessidade. Todos os passos para que ação seja viável e um sucesso. Tudo planejado e feito? Passo 4.

4. Contato com a Diretoria de Ensino pedindo autorização para entrar nas escolas.

5. Escolha das Escolas que serão atingidas pelo projeto.

6. Ida as Escolas.

Portanto, em um plano como estes os profissionais que trabalham no Agente Consciente foram acionados para as seguintes tarefas:

1. O advogado pesquisou se há falha no projeto.

2. O Relações Públicas para traçar as estratégias e ver a melhor forma de viabilizar o plano.

3. O Publicitário e o Designer, para idealizarem o material gráfico.

E assim, uma ação referente aos Animais estaria concluída. Mas caso fosse uma ação de rua e voltada para a Cultura, o padrão seria o mesmo.

Projeto Social -> Reunião entre os agentes Coordenadores ->Planejamento -> Criação Audiovisual -> Jurídico -> Financeiro -> Operacional -> Realização da Ação Social.

Interessante…

Muito, e caso você também tenha o interesse em realizar uma ação é só entrar em contato com o Coordenador de sua área de interesse para formalizar seu plano.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s